Entrevista com o roteirista de Resident Evil 3

Postado em Atualizado em

O site Project Umbrella conduziu uma entrevista com Yasuhisa Kawamura, o roteirista de Resident Evil 3. O material é longo e contém diversas informações, não somente sobre RE3, mas sobre outros jogos da série, além de muitos conceitos descartados e esclarecimentos sobre a história da série. O mais surpreendente de tudo: RE3 era Resident Evil Gaiden e HUNK era o protagonista da história!
Confira os principais detalhes da entrevista:

– Apesar de só ter sido lançado em 2002, o roteiro de Resident Evil Zero já estava sendo escrito pela Flagship em 1998.

– Na mesma época, uma equipe liderada por Hideki Kamiya estava trabalhando no terceiro título da série, cujo subtítulo seria “Gaiden”, em vez de “Last Escape”, como conhecemos. Inicialmente, o jogo se passaria em um cruzeiro de luxo, no qual HUNK estaria tentando obter uma amostra do G-vírus. RE Gaiden seria um jogo pequeno na série, mas as coisas mudaram a partir do meio de 1998, quando a mudança de plataforma do PS1 para o PS2 era iminente. Com a mudança de geração, a Capcom decidiu que RE: Gaiden seria o último título numerado da série a sair para Playstation 1, o que o transformava em “Resident Evil 3? e forçava a equipe a se esforçar para lançar o game antes que grande parte do público já tivesse acesso ao Playstation 2. A partir daí, o roteiro passou a ser moldado como o conhecemos: a história era focada na fuga de Jill de uma Raccoon City infectada. Neste mesmo momento a equipe decidiu que a cidade seria varrida do mapa e que novos horizontes seriam explorados no Playstation 2.

– Enquanto essa nova fase de RE3 estava em desenvolvimento, uma parte da equipe inicial já começava a se concentrar na produção de um jogo de alto nível para o Playstation 2: Resident Evil 4. Isso mesmo! Pelo visto, os planos iniciais eram levar RE4 ao PS2, e não ao Gamecube.

– Kawamura quis inserir um modo em que o jogador controlaria um Brad zumbificado, mas devido aos altos custos de produção para esse extra, a ideia foi descartada.

– No roteiro inicial de RE3, as histórias de Leon, Claire, Ada e Jill iriam se cruzar, com os personagens se encontrando no laboratório subterrâneo de William Birkin. No entanto, a ideia teve que ser removida do roteiro porque acabaria interferindo no roteiro do game anterior, RE2.

– De acordo com o roteirista, Nemesis não foi despejado em Raccoon City somente para destruir os S.T.A.R.S para proteger a Umbrella. Existia muita rivalidade entre os laboratórios europeus e norte americanos da empresa: enquanto os americanos se esforçavam na criação do Tyrant, os europeus focavam na produção de novos tipos de Hunters e do parasita NE-alpha. Após ter sido finalizado pelo sexto laboratório europeu, Nemesis foi enviado a Raccoon City para matar os S.T.A.R.S. porque eles foram os responsáveis pela destruição do Tyrant americano
isso só comprovaria a superioridade do “produto” europeu.

– Kawamura explica que existem vários tipos de T-Vírus. O original, criado por James Marcus surgiu a partir de uma mutação que o Progenitor sofreu no interior de sanguessugas. Um segundo tipo foi desenvolvido por William Birkin, e este era capaz de dar origem a BOWs como Hunters e Tyrants.

– No roteiro de RE3, a Umbrella acabaria perdendo controle sobre as ações de William Birkin e estava planejando o assassinato dele. Sabendo disso, Birkin se preciptou e começou a aumentar a produção de detritos tóxicos do laboratório, causando um estado de risco biológico. Com isso, os funcionários do laboratório se tornariam infectados e o vírus se espalharia pela cidade. “Protegido” pela barreira de monstros que havia criado, Birkin negociaria com o governo dos EUA para ser retirado da cidade em segurança e em troca, entregaria o G-Vírus. Assim sendo, as forças especiais do governo norte americano iriam resgatar Birkin. Ao tomar conhecimento do plano, a Umbrella envia os Tyrants T-103 para a área industrial da cidade para impedir a fuga do pesquisador, causando uma batalha na Dead Factory. O resultado são os cadáveres de soldados e restos de Tyrants que vemos ao final de RE3. Como a missão para resgatar Birkin falha e a Umbrella recupera o G-vírus, o governo decide explodir a cidade. Enquanto isso, a Umbrella divulga imagens dos soldados da UBCS lutando na cidade, com a desculpa de que estavam em uma missão de salvamento de civis.

– O agente que interroga Leon em seu epílogo (e ao final de “Memories of a Lost City ? RE:TDC) faz parte de uma organização secreta do governo dos EUA cuja missão principal é reunir informações sobre armas biológicas e buscar meios de impedí-las.

– A ideia do “homem do gancho” de RE 3.5 veio de Kawamura. A inspiração para o inimigo veio do filme “Lost Souls”, com Winona Rider. Leon invadiria a mansão de Spencer e encontraria um laboratório secreto, no qual uma menina acordaria.
– O objetivo principal do projeto de Birkin era criar uma raça superior de seres humanos, usando o G-víurs. O G-vírus poderia ser, inclusive, chamado de God-Virus (ou “vírus deus”). Embora o Wesker tenha conseguido hablidades sobre humanas, ele não pode ser considerado um “G-humano”, digamos assim, porque, de acordo com o que Kawamura descreveu, os super humanos criados com o G-vírus poderiam se reproduzir, criando outros novos super humanos. Não se sabe se o Wesker possuía esse tipo de característica.

– O minigame The Mercenaries ? Operation Mad Jackal foi criado por Kawamura. A ideia surgiu depois de o roteirista ter afirmado para Shinji Mikami durante a sua primeira entrevista para ingressar na Capcom que a coisa que ele mais gostava na série era o mini game The 4th Survivor, de RE2. Durante o desenvolvimento de RE3, o criador de The 4th Survivor, Kazuhiro Aoyama, desafiou Kawamura “quero que você faça um mini-game melhor do que o meu”, e assim surgiu “The Mercenaries”, fórmula adorada pelos fãs, que já virou até game principal.

Fonte:  GameVicio

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s